HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Atlético-MG x Bahia: Um Bahia “lesionado” em busca de recuperação.

Card image

Créditos: Felipe Oliveira / EC Bahia

Brigando contra o rebaixamento, o time do Bahia é acometido com “lesões” de todas as ordens, seja ele de modo físico (as lesões que param no departamento médico e isolamento) como as de cunho emocional (insegurança e dificuldades). É difícil imaginar cenários positivos para um time que nem ao menos se dá o luxo de demonstrar que quer escapar da queda, que sequer faz uma gracinha com um triunfo contra um time que está brigando junto com ele para não cair. Como acreditar dessa maneira? Eu não posso te pedir para continuar acreditando, mas eu não posso fingir que estou em dúvida, no mesmo instante que acredito na salvação, me desespero e aceito o fim trágico. Se nem eu estou tão certa do que vai acontecer, como posso querer que você torcedor assim como eu, também tenha certeza?

Para a partida de sábado, o Bahia vai enfrentar o Galo em Minas Gerais com pelo menos sete desfalques garantidos, cinco devido à covid, um por suspensão e outro por lesão (sem contar com a perda do melhor jogador da temporada até aqui, Índio Ramírez), de certo oficializado pelo clube só sei de Thiago e Edson, mas segundo alguns jornalistas entram nessa lista Alesson, Ramon e Fessin, todos diagnosticados com covid-19. Daniel é o jogador suspenso e o goleiro Douglas que segue sem treinar com o time devido a lesão no joelho. O que esperar do time com tantos desfalques? A única certeza é que algumas alterações irão ocorrer por causa das baixas, mas é impossível prever qual time o treinador mandará a campo, isso porque nos últimos meses o clube não tem divulgado nem mesmo os relacionados para a partida, como se isso fosse surpreender os times adversários, sinceramente? Não surpreende ninguém, já que na maioria das vezes a escalação é sempre a mesma, mas, pegando uma dica da entrevista de Dado, ele disse: que o time tende a ter um “meio campo mais povoado”, se isso significa algo realmente bom, só saberemos quando a bola rolar. O Esquadrão fez o último treino em Salvador pela tarde, e já se encontra na capital mineira, conforme vídeo publicado pelo clube.

Por que o Bahia é o time das “lesões”? Porque não basta perder jogadores lesionados fisicamente, ele perde também para o psicológico/emocional e isso é dentro de campo mesmo, o clube tinha tudo para trabalhar de modo mais eficiente o psicológico dos jogadores, mas isso não acontece, por que será? É muito perceptível que não é só falta de técnica, é o emocional abalado também, jogadores que não aguentam a pressão de estarem ganhando o jogo e que logo dão o empate para o adversário, é normal um time está tão abalado psicologicamente a ponto de entregar o resultado? Eu não sou profissional de psicologia, mas observo que emocionalmente esse time não está bem. Não sei como funciona internamente, só que para as últimas três partidas seria essencial que o lado psicológico dos jogadores também fosse trabalhado com mais intensidade, nos últimos jogos é obrigação do clube descobrir o que motiva esses jogadores e eu não estou falando de dinheiro, é além disso. Não é sobre mensagem de apoio do torcedor, é algo mais diferenciado, é tentar perceber qual a motivação desses jogadores, o que é mais importante para eles e como isso influencia dentro de campo e a partir disso agir com uma solução rápida.

Para o jogo de amanhã o meu desejo é: PONTUE ESPORTE CLUBE BAHIA, POR FAVOR!

FICHA TÉCNICA: Atlético-MG x Bahia (36º rodada Campeonato Brasileiro 2020)

Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 13 de fevereiro de 2021, às 19h de Brasília
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
Árbitro de vídeo: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)

Ver mais

mm

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade