HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

“Bob Marley” compartilha vídeo da torcida do Palmeiras; Rastas se sentem lisonjeados

Card image

Créditos: Torcida do Palmeiras concentrada para jogo nas imediações do Allianz Parque homenageia Bob Marley, vídeo foi compartilhado pelos perfis oficiais do cantor nas redes sociais.

Esta semana uma das torcidas do Palmeiras com forte influência do reggae, teve um de seus vídeos compartilhado pelo perfil oficial do rei do estilo musical, Bob Marley. O perfil é gerenciado pela família do cantor.

As imagens foram gravadas na rua Diana, um dos acessos ao Allianz Parque, durante a concentração de torcedores do Verdão para uma das partidas do clube paulista.

No vídeo, centenas de torcedores cantam um dos clássicos de Bob Marley, ao som da banda formada por membros da Torcida Organizada Rasta Alviverde. O perfil publicou que “torcedores no Brasil comemoram a vitória na final da #CopaLibertadores neste final de semana com “Is This Love”! e ainda pediu aos seguidores que deixassem mensagens de amor e apoio.

Além do post no Twitter, o perfil oficial do cantor Bob Marley no instagram, com mais de 5,7 milhões de seguidores, reproduziu as imagens que chegaram a ser vistas por mais de 630 mil vezes até o momento.

Rasta Alviverde

O presidente da Torcida Organizada Rasta Alviverde, David, disse ser muito gratificante receber o reconhecimento da família de Bob Marley, sobretudo no momento em que a torcida do Palmeiras comemora seu segundo título da Libertadores.

“Então pra gente é muito gratificante, foi uma batida de uma conquista ser conhecidos pela família do Bob Marley, com muito orgulho agente leva a mensagem de paz que eles nos deixou a igualdade, nós ficamos muito felizes, ainda mais no melhor momento das nossa torcida.” Disse o presidente.

A Rasta Alviverde sofre influências do estilo reggae, mas teve início através de contatos de outra torcida Rasta do Vasco da Gama, contou o diretor Palmeirense: “eu, David era da TUP, recebi eles aqui em São Paulo, quando fui morar lá [Rio de Janeiro] á trabalho, fui recebido muito bem pelo presidente deles”.

Davi ainda enfatizou que “é muito bom ser reconhecido pela caminhada, nós fomos os primeiros à chegar até a família dele [Bob Marley]. Todas as torcidas Rastas tem um potencial pra ir muito longe com a ideia.”

Bob Marley

Robert Nesta Marley nasceu em Saint Ann, zona rural do norte da Jamaica, no dia 06 de fevereiro de 1945. Era filho de um militar branco, capitão do exército inglês, e de uma jovem negra jamaicana – Celella Booker deu a luz com apenas 18 anos.

Após a morte do pai, em 1955, Marley e sua mãe foram morar na comunidade de Kingston. Em 1963, Marley formou, junto com os amigos Bunny e Peter, um grupo de reggae chamado Wailing Waillers. Eles tocavam o principal ritmo do país, o ska, de onde se originou o reggae, que se baseia em uma mistura de sons africanos com o rhythm & blues (R&B).

O primeiro single da banda, “Simmer Down”, foi a música mais executada nas rádios jamaicanas durante dois meses seguidos. Na época, o grupo já contava com mais três integrantes: Junior Braithwaite e os backing-vocal Beverly Kelso e Cherry Smith.

Em 1966, Bob Marley se casa com Rita Anderson e viaja para os Estados Unidos, onde permanece durante oito meses ao lado da mãe e do padrasto.

The Wailers
O sucesso dos Wailers começou quando eles se uniram ao produtor Lee Perry, quando gravaram “Soul Rebel”, “400 Years” e “Small Axe”, já com influencia da crença “Rastafar” – de origem africana, mas de grande apelo na Jamaica.

Em 1970, o baixista Aston Barret e o baterista Carton Barret se uniram à banda.

Em 1971, o grupo assinou com a Island Records e em 1973 gravaram o álbum “Catch a Fire”, o primeiro do grupo e com grande destaque para a música da Jamaica.

A gravadora promoveu uma turnê da banda pela Inglaterra e Estados Unidos. Nesse período, Bunny resolve não fazer a turnê pelos Estados Unidos, sendo substituído por Joe Higgi.

Nesse mesmo ano, lançam o álbum “Burnin”, que trouxe duas canções de Bob e de Peter, “Get Up, Stand Up” e “I Shot the Sheriff”, que foi gravada por Eric Clapton, em 1974, e virou o hit n.º 1 nos Estados Unidos.

O terceiro álbum, “Natty Dread” (1974) lançou a música “No Woman, No Cray”, que se tornou um grande sucesso dos Wailers. Nesse mesmo ano, Peter e Bunny deixam a banda, e Rita, sua esposa, se une ao grupo, junto com Judy Mowatt e Marcia Griffiths, e ficam conhecidas como “I – Threes”.

Em 1976, o grupo lança o quarto disco de estúdio, “Rastaman Vibrations”. Nessa época, a banda começa a ser reconhecida como “Bob Marley & The Wailers”. Logo, o disco atinge as primeiras posições das paradas musicais nos Estados Unidos.

Atentado
Nessa época, a Jamaica passava por uma grave crise político social. O músico, com grande prestígio resolve fazer um show gratuito no Parque dos Heróis Nacionais em Kingston, com o objetivo de pedir o fim dos conflitos entre ocorridos entre as diversas gangues.

No dia 3 de dezembro de 1976, dois dias antes do show, “Smile Jamaica”, organizado pelo primeiro-ministro Michael Manley, Bob Marley sofreu um atentado quando homens armados entraram em sua casa em Hope Road.

Os tiros feriram gravemente sua esposa Rita Marley e seu empresário Dom Taylor, enquanto Marley sofreu feridas leves no peito e no braço. Apesar do ocorrido, mesmo ferido, Marlei foi para o palco e se apresentou para uma multidão de 80 mil pessoas.

Após o ocorrido, Marley resolve ir morar em Londres. Em 1977 grava o álbum “Exodos”, que permaneceu por mais de 50 semanas nas primeiras posições dos tops na Inglaterra. A faixa “One Love” fez grande sucesso.

De volta à Jamaica, Marley organiza o “One Love Peace Concert”, onde o grande momento foi o aperto de mão, dado no palco, entre o Primero-Ministro Michael Manley e seu rival Edward Seaga.

Por mediar tal encontro, Bob Marley recebeu a “Medalha da Paz”, na sede das Nações Unidas, em Nova Iorque. Ainda em 1977, Marley embarca para a Etiópia, país da África onde se originou o Rastafári – movimento judaico-cristão que ele seguia.

Em 1979, Marley lança o disco “Survival”, onde revela em algumas músicas a dor e o ódio com relação às injustiças sociais, como nas faixas “So Much Trouble in the World” e “Ambush in the Night”.

No álbum, foi lançada também a música “Africa Unite”. Foi então convidado para as comemorações pela independência do Zimbabwe em 17 de abril de 1980.

A música de Bob Marley foi importante para a aceitação do Reggae no mundo, o que tornou o ritmo um dos mais populares. Marley é considerado um mito, pois disseminou suas ideias de paz através da música.

Morte
Em 1977 foi diagnosticado com um câncer de pele do tipo agressivo, recusou-se a trata-lo por questões religiosas, mas no fim de sua vida aderiu à Igreja Ortodoxa, porém já era tarde demais.

Bob Marley morreu em Miami, no dia 11 de maio de 1981, vítima do câncer. Seu funeral teve honras de chefe de estado e a data de seu nascimento é feriado nacional na Jamaica.

Com informações do ebiografia


Ver mais

mm

Sobre o autor

Ver mais

Comentários

  1. After which spend a while simply connecting with folks and hearing how they’re feeling in regards to the situation.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade