HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Grêmio luta, vence e vai forte para o Morumbi

Card image

Créditos: Grêmio Oficial

Antes de determinadas partidas decisivas, e também após derrotas traumáticas, o torcedor gremista, invariavelmente, vem com uma frase que já virou clichê: só peço que hoje seja Grêmio. Ninguém, falando de quem tem bom senso, vamos combinar, exige vitória em todos os jogos do Tricolor. Isso fugiria da essência do futebol, apaixonante, entre outras razões, por ser imprevisível.

O que se exige de todos os jogadores que vestem a camisa do Grêmio, independente de sua qualidade, é que tenham sempre a postura combativa e competitiva. Que lutem pelas três cores. Diante do Santos, se viu um Tricolor que caiu sem ao menos competir. A eliminação faz parte da competição, mas que seja de maneira digna, peleando até o final. Não foi isso o que aconteceu na Vila Belmiro.

Após a queda vexatória na Libertadores, por mais que a indignação ainda esteja presente, era preciso seguir em frente, sem claro, esquecer uma verdade absoluta: o Grêmio devia uma resposta imediata ao torcedor. E ela veio diante do São Paulo. Ao enfrentar um adversário poderoso como o atual líder do Campeonato Brasileiro, qualquer resultado poderia acontecer, mas a postura teria que ser diferente.

E a noite desta quarta-feira na Arena trouxe bela notícia ao torcedor. O Grêmio competiu, mostrou espírito combativo, simbolizado pela bandeira tricolor chamada Walter Kannemann. Por mais que viva melhor momento na temporada, tirando o começo do segundo tempo, em que dominou e perdeu a sua grande chance, o adversário foi contido e controlado pelo Tricolor dos Pampas.

Mérito total para Renato Portaluppi, que soube ocupar o meio de campo ao optar por Thaciano como titular. E teve sabedoria ao colocar Ferreirinha no instante preciso para que ele explorasse todo o seu talento pra cima de rivais já cansados. O lance do gol nasceu assim, em jogada extraordinária do ponteiro, passando por desvio de Pepê e chegando às redes com a acrobacia do incansável Diego Souza.

Neste começo de decisão, em um duelo extremamente complicado, o Grêmio teve competência para segurar o São Paulo e eficiência para, em uma das raras chances, selar a vitória mínima, mas essencial para o jogo da volta. O golaço de Diego Souza, a segurança defensiva, a mudança de atitude, tudo isso nos dá confiança para a volta no Morumbi. Seguimos fortes pelo Hexa da Copa do Brasil!

Ver mais

mm

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade