HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Má fase, más escolhas, maus resultados!

Card image

Créditos: Divulgação/Instagram FortalezaEC

O torcedor tricolor anda com os nervos a flor da pele com o time jogando ou não. Pela frente temos o Flamengo-RJ, que disputa o título do campeonato, enquanto nós já perdemos o foco nos nosso objetivos e estamos lutando para termos a chance de conquistá-los ano que vem.

O elenco está perdido em campo, o treinador não conseguiu transmitir sua essência ao elenco, a diretoria não toma atitudes para reverter o cenário desastroso e sobra para torcedor que tem que cuidar em lidar com a péssima fase do time, que até alguns meses era muito organizado, competitivo e buscava o resultado.

O Fortaleza perdeu as chances de embalar com o novo treinador. Nas primeiras partidas após sua chegada, Marcelo Chamusca viu um ataque ineficiente disperdiçar pontos fora e dentro de casa, pontos que fazem uma falta gigante agora que estamos muito próximos do Z-4. Consequência disso é o desempenho do Fortaleza no clássico-rei do último doming (20/12), apático, sem confiança, inseguro, desorganizado, perdido.

É nítido que o elenco não conseguiu superar a ausência do antigo treinador, está preso no antigo esquema de jogo e por isso não consegue desenvolver o estilo do novo treinador. O novo treinador não inspira confiança para a torcida e esse limbo afeta toda a atmosfera tricolor. De todos os fatores, não é possível elencar qual o mais dramático, é uma cadeia onde tudo leva a tudo e o tudo não nos leva a nada.

Nossa ineficiência vai de encontro à um elenco recheado de bons atletas e nosso último treinador, que largou o projeto que ele mesmo montou à sua maneira, dispensando atletas, reduzindo o elenco, deixando o clube a mercê de seu critério que custou caro e duradouro.

O cenário piora com a emergência dos clubes que estavama abaixo de nós na tabela, Athlético-PR, Corinthians-SP, Bahia-BA, Atlético-GO e nosso rival! Todos estão em crescimento no campeonato, tendo boas atuações e deixando nosso laço cada vez mais acochado. As chances de vencer estes clubes com tranquilidade vai ficando cada vez menor e a ampulheta esvaziando.

É hora de acordar, é inadimissível ver um ataque jovem não ter presença de área efetiva, não ter volume e passar um clássico inteiro sem chutar no gol. É intragável ter um meio de campo que joga junto a mais de um ano demonstrar insegurança e imaturidade para criar jogadas. A concentração do time precisa ser recuperada, a vontade e entrega dos jogadores também não se veêm mais por aqui.

O que será capaz de recuperar o brio e a competitividade do time? Vitórias! Vitórias importantes! E pra isso é necessário lutar para jogar bem! Concentração, segurar o projeto do clube no coração e jogar somente para a camisa. A torcida não deixará de apoiar o Fortaleza Esporte Clube como não fez em todas situações do Clube, lutamos muito para chegar até aqui e conquistar tudo com muita entrega, e isso não se pode perder em um ano!

Ver mais

mm

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade