HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Campinense e demais times da Paraíba ameaçam não participar do estadual 2021

Card image

Créditos: Ata de reunião da FPF assinadas por todos os clubes do estado. Foto: divulgação/FPF

Os três grandes clubes da Paraíba tomaram uma decisão pra lá de polêmica, na reunião desta segunda-feira(14) na sede da FPF, o trio decidiu pela não participação no Campeonato Paraibano 2021. A alegação é de atrasos no pagamento do programa Paraíba Esporte Total, que tem como objetivo incentivar os clubes do estado.

Campinense, Treze, Botafogo e Atlético de Cajazeiras teriam direito a R$ 3 milhões, por estarem participando do Campeonato Brasileiro. Os clubes alegam que não receberam nada em 2020 e ainda falta receber valores de 2019. Foi informado as diretorias, que caso os valores não fossem repassados até dia 31 dezembro, eles não iriam receber mais nada, porque se concretizaria uma “renúncia fiscal”.

O detalhe é que os valores estão bloqueados por conta de fraudes dos próprios clubes. No antigo Gol de Placa, houve cadastros até de CPF de pessoas mortas. Tudo isso fez que o Governo do Estado exigisse alguns critérios para que os times recebessem o dinheiro do novo programa, como a divulgação dos balanços financeiros, coisa que só o Botafogo fez. Para se ter uma ideia, o Campinense teria que devolver mais de R$ 2 milhões aos cofres públicos.

A decisão de não participar do estadual foi assinada por todos os participantes da próxima edição: Campinense, Botafogo, Treze, Atlético de Cajazeiras, Sousa, Perilima, Nacional de Patos e São Paulo Crystal.

Nos bastidores, o que se fala é que o Paraibano vai acontecer, para que isso ocorra basta que quatro clubes concordem em jogar e assim o campeonato iria valer para dá vagas na Série D, Copa do Brasil e Copa do Nordeste. O primeiro clube que deve voltar atrás disso é o Botafogo.

É, os clubes da Paraíba passaram 2014, 2015, 2016, 2017 e 2018 fazendo coisas erradas no Gol de Placa, onde foi algo evidente para todos. Agora, correm atrás do prejuízo em meio a uma pandemia. É esperar pra ver o que vai acontecer.

Ver mais

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade