HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Apagão. Vitória leva virada em três minutos e perde para o Confiança no Barradão.

Card image

Créditos: Foto: TIAGO CALDAS /CORREIO

Parecia que a sequências de bons resultados do Vitória iria ganhar mais um capítulo contra o Confiança no Barradão. Porém em três minutos de um completo apagão o rubro-negro levou dois gols e deixou a sequencia positiva escapar.

O duelo começou morno, com o leão trocando passes no setor de meio campo buscando encontrar brechas na defesa bem postada do time sergipano. A primeira boa chance só aconteceu aos 15 minutos após inversão de bola de Fernando Neto para Rafael Carioca, o lateral driblou o marcador e chutou pra fora, assustando o goleiro Jean. A resposta do Confiança veio um minuto depois em chute forte de Reis de fora da área, que passou por cima da trave de César. Aos 18 minutos, veio o primeiro gol: Léo Moraes fez boa ultrapassagem pela direita e cruzou na medida para Léo Ceará testar sem chances pro goleiro.

Após o gol o Vitória recuou e o Confiança não mudou sua postura de precaução. O jogo só voltou a ter emoção aos 37 minutos quando, após escanteio para o Dragão, Fernando Neto desviou com o braço e o árbitro marcou pênalti. Reis cobrou forte, sem chances de defesa pro goleiro.1×1 no placar e foi somente isso no primeiro tempo.

Na segunda etapa o Vitória voltou com mais apetite e já começou assustando aos 6 minutos com um bom chute de Vico, que Jean espalmou pra escanteio. Na cobrança do próprio camisa 11, Léo Ceará escorou pra Wallace que chutou forte para mais uma boa defesa de Jean. Um minuto depois saiu o segundo gol do time baiano: Léo Moraes tocou para Thiago Lopes e o meia, de primeira deixou Léo Ceará na cara do gol. 2×1. O terceiro quase veio aos 10 minutos, novamente com o artilheiro rubro-negro mas dessa vez ele parou no zagueiro Nirley, que travou sua tentativa de chute cruzado. A partir daí o leão abdicou da bola e deixou o Confiança criar gosto pelo jogo.

Aos 23 minutos, notando a queda de rendimento do time, o técnico Rodrigo Chagas fez 3 alterações de uma só vez: Bocão, Eduardo e Ruan Nascimento entraram para as saídas de Léo Moraes, Lucas Candido e Thiago Lopes. 5 minutos depois foi a vez de Léo Ceará deixar o jogo alegando cansaço, Jordy Caicedo entrou em seu lugar. Porém as mudanças desequilibraram ainda mais a equipe rubro-negra e o Confiança passou a impor o seu ritmo. O empate que estava desenhado virou realidade aos 31 minutos. Reis cruzou na área, Ari Moura escorou pro meio, Rafael Carioca cochilou na marcação e Rafael Vila mandou pra rede. E nem deu tempo de arrumar a casa. No ataque seguinte, veio a virada. Reis cobrou escanteio na área, a zaga do leão ficou off-line, Matheus Mancini escorou, Ítalo desviou para a segunda trave e Serginho tocou para Renan Gorne, livre, empurrar pro gol.

FOTO: JHONY PINHO/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO

Após o apagão, o Vitória partiu pro desespero e abusou das bolas aéreas, porém sem sucesso. Não criou mais nenhuma boa chance no jogo e no final das contas o revés acabou sendo justo.

Destaques positivos: Léo Ceará. O homem está impossível! Vive sua melhor fase no Vitória. Agora são 5 gols marcados nos últimos 3 jogos. Levou o terceiro cartão amarelo hoje e certamente será um grande desfalque para o próximo jogo contra o Cuiabá. Léo Moraes foi outro que fez um ótimo jogo enquanto teve folego. Participou dos dois gols, dando a assistência pra Ceará no primeiro e iniciando lance do segundo.

Destaques negativos: Rafael Carioca esteve muito abaixo dos demais companheiros, falhou feio no segundo gol, não acertou nenhum cruzamento no jogo e seu lado foi uma verdadeira avenida para o rival. A dupla de zaga formada por Wallace e Maurício Ramos vinha sendo um dos pontos fortes da equipe, porém dessa vez estiveram mal, permitindo ao Confiança vencer praticamente todos os duelos pelo alto.

FICHA TÉCNICA

Vitória x Confiança – 26ª rodada da Série B

Vitória: César, Léo Moraes (Bocão), Maurício Ramos, Wallace e Rafael Carioca; Lucas Cândido (Eduardo), Fernando Neto, Matheus Frizzo (Mateusinho) e Thiago Lopes (Ruan Nascimento); Vico e Léo Ceará (Jordy Caicedo). Técnico: Rodrigo Chagas.

Confiança: Jean, Thiago Ennes, Nirley, Matheus Mancini e Silva (Everton); Madison (Serginho), Jeferson (Ítalo) e Rafael Vila; Reis, Ari Moura (Alyson) e Bruno Paraíba (Renan Gorne). Técnico: Daniel Paulista.

Estádio: Barradão, Salvador/BA
Gols: Léo Ceará, aos 18 minutos, Reis, aos 38 do 1º tempo; Léo Ceará, aos 7, Rafael Vila, aos 31, Renan Gorne, aos 33 minutos do 2º tempo
Cartões amarelos: Léo Ceará, Léo Moraes (Vitória); Matheus Mancini, Silva e Serginho (Confiança)
Cartão vermelho: Daniel Paulista
Arbitragem: Wanderson Alves de Sousa, auxiliado por Ricardo Junio de Souza e Magno Arantes Lira (trio do estado de Minas Gerais).

Ver mais

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade