HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Operário 1×1 Avaí: Só restou buscar os 45 pontos

Card image

Créditos: André Jonson/OFEC

Doeu como uma derrota. A sensação é essa após o empate entre Operário e Avaí em 1×1 no Germano Krüger, pela 26ª rodada da Série B. Aquela sensação de que deixamos escapar pontos importantíssimos, e que podem fazer falta lá na frente, ficou atravessada na garganta do torcedor operariano.

Sem Marcelo, Tomas Bastos e Alex Silva, o Fantasma da Vila entrou em campo com: Thiago Braga; Sávio, Bonfim, Ricardo Silva, Fabiano; Leandro Vilela, Chorão, Jean Carlo; Diego Cardoso, Ricardo Bueno e Thomaz.

Enquanto o Operário precisava da vitória para tentar voltar sonhar com a briga pelo acesso, o Avaí queria os três pontos para colar de vez no G4 e se colocar como candidato a subir para a Série A ano que vem. Mesmo com todos os motivos para as duas equipes se lançarem em busca do triunfo sobre o adversário, o primeiro tempo foi de poucas emoções, com a melhor oportunidade da etapa sendo dos alvinegros. Ricardo Bueno lançou Diego Cardoso dentro da área dos catarinenses, mas o atacante operariano acabou tendo dificuldade no domínio e finalizou para defesa do goleiro Lucas Frigeri. Também no primeiro tempo, o treinador Matheus Costa perdeu o meia-atacante Jean Carlo, substituído por Lucas Batatinha.

O segundo tempo começou mais emocionante. Aos 11 minutos, o zagueiro Bonfim aproveitou o escanteio para o Operário, subiu mais alto que a defesa do Avaí e abriu o placar. Com a vantagem no contador, o Operário diminuiu as ações ofensivas e ainda assim criou mais três oportunidades de ampliar o placar com Diego Cardoso, Chorão e Batatinha.

Com mais espaço para os visitantes, o treinador alvinegro chamou Reniê, Coutinho, Mazinho e Schumacher para segurar as investidas dos catarinenses e buscar liquidar o jogo em um lance de contra-ataque. Infelizmente algumas regras não escritas do futebol são implacáveis, uma delas é que “quem não faz, toma” e aos 43 da etapa complementar Vinícius Jaú subiu pela direita e ergueu a bola na área. O atacante do Avaí viu o goleiro Thiago Braga falhar e a bola caiu nos pés de Getúlio, que completou de carrinho para o fundo da rede, dando um banho de água fria e roubando dois pontos do Operário dentro da própria casa.

Na coletiva pós-jogo, o treinador Matheus Costa não escondeu o descontentamento com o empate no fim da partida. “A gente fica triste e chateado, porque tivemos oportunidades de fazer o 2×0 e conquistar os três pontos. Agora precisamos recuperar do desanimo de hoje e procurar reconquistar esses três pontos fora de casa”, avalia o treinador.

O treinador também foi enfático ao falar dos objetivos do Fantasma no restante da Série B. “A gente tem um primeiro objetivo muito claro, que é fazer 45 pontos o mais rápido possível, e depois disso ver onde conseguimos brigar e conquistar o maior número de pontos. A gente está num momento de lamentação muito grande, até pelo que aconteceu”, explica Matheus.

Na terça-feira (8), o Operário vai a Campinas enfrentar o Guarani, no Brinco de Ouro, às 16h30, pela 27ª rodada da competição. A partida é mais um confronto direto na acirrada briga pelo troféu “Meio da Tabela”, objetivo mais real para o Fantasma na temporada.

Ficha Técnica:

Operário Ferroviário 1×1 Avaí – Germano Krüger – Ponta Grossa, PR

Escalação:

Operário Ferroviário: Thiago Braga; Sávio, Bonfim, Ricardo Silva, Fabiano; Leandro Vilela, Chorão (Mazinho), Jean Carlo (Lucas Batatinha); Diego Cardoso (Reniê), Ricardo Bueno (Schumacher) e Thomaz (Douglas Coutinho).

Avaí: Lucas Frigeri; Edilson, Betão, Rafael Pereira (Pedro Castro), Alemão, Iury (Alan Costa), Jean, Valdívia, Romulo (Vinícius Jaú), Rodrigão (Ronaldo Silva) e Risto (Getúlio).

Cartões:
Operário: Lucas Batatinha (Amarelo), Thomaz (Amarelo)Gols:
Operário:
Rafael Bonfim (11’ 2T)
Avaí: Getúlio (43’ 2T)

Ver mais

mm

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade