HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Mesmo jogando bem, Palmeiras sofre mais um revés no dérbi feminino por falha na defesa

Card image

Créditos: Rodrigo Corsi/ Angelina na partida de ida da semifinal do Paulistão Feminino.

A equipe do Palmeiras enfrentou o rival Corinthians, na tarde desta quarta, no estádio Nelo Bracalente, em Vinhedo, e perdeu por 1×0. O primeiro jogo da semifinal do Paulista Feminino foi bastante disputado, mas o time alviverde não conseguiu bom resultado.

Assim como no segundo jogo da semifinal do Brasileirão Feminino, o Palmeiras entrou em campo para brigar pela vitória e pela classificação, jogando com intensidade e criando chances de gol. Na partida de hoje, inclusive, o Verdão conseguiu chegar mais à meta adversária, mas desperdiçou algumas oportunidades.

Para começar a segunda etapa, Ricardo Belli optou por tirar a lateral Isabella e colocar Camilinha em seu lugar, insistindo numa decisão que não parece a mais acertada. Ainda entraram em campo Lurdinha e Vitória nos lugares de Ottilia e Carla Nunes, que novamente foi bem marcada e não rendeu o esperado.

O jogo, que estava bastante parelho, foi desequilibrado numa falha da defesa palestrina. Pardal fez belo lançamento para Adriana, que aproveitou bem o espaço deixado pela zagueira Janaína na área palmeirense para dominar, pensar na jogada e tomar uma decisão. A bola foi cruzada na medida para Gabi Nunes, que estava completamente sozinha, ainda que houvesse três defensoras palmeirenses dentro da área.

Ainda deu tempo de Nicoly entrar no lugar de Thaís e o Palmeiras perder algumas chances de gol. Bem para o fim do jogo, Bianca parece ter sentido câimbras, sendo substituída por Rosana. Mas o placar não foi alterado.

O jogo de volta acontece na quinta-feira da semana que vem, 10 de dezembro, às 16h, na Arena Barueri, com mando do Corinthians. Será uma missão bastante difícil, mas ainda é possível.

O Palmeiras demonstrou mais uma vez que tem capacidade de jogar de maneira equilibrada contra o favorito rival, levando perigo. Mas não pode cometer erros bobos, que sempre custam muito caro, já que se trata justamente da equipe mais forte da categoria.

Ver mais

mm

Sobre o autor

Ver mais

Comentários

  1. Katia Andrade disse:

    Excelente matéria!! Parabéns!!

  2. Pingback: Atrás do gol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade