HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Quando “um pássaro na mão, não vale mais do que dois voando…”

Card image

Créditos:

Depois da goleada obtida por Casares em Natel no pleito do último Sábado quando da eleição dos conselheiros, os bastidores do Morumbi voltaram a ficar pra lá de agitados.

Impossível não imaginar que Casares já comece a cogitar (e ter) os nomes daqueles que assumirão os cargos de direção num dos mais importantes momentos da vida Tricolor, naquele que deve recolocar a Instituição nos trilhos das conquistas tão desejadas.

O portal Yahoo de hoje traz a informação que “Pássaro deverá ser a primeira vítima” da nova administração, como isso pudesse trazer algum tipo de surpresa ou novidade a coletividade tricolor.

Primeiro que entendo bastante exagerado o termo “vítima” para alguém que possivelmente não disse ao que veio quando assumiu parte do futebol do São Paulo.

Questionado não só por vestir a camisa de um rival, Pássaro passou longe de ser alguém que tivesse adicionado algo positivo ao tão terrível momento vivido pelo Tricolor nesses últimos anos.

Alguma dúvida?

Os resultados falam por eles mesmos.

Soldado de marcante presença no “exército de Brancaleone” montado na administração Leco, foi mais um que pouco acrescentou em termos de qualidade e competência em prol do São Paulo Futebol Clube.

Nada mais natural (e até certo ponto óbvio) que deixe a Instituição na nova administração.

Raí deve ser outro a tomar o mesmo rumo.

Ídolo dos maiores de uma torcida forjada nas conquistas, Raí não teve o mesmo sucesso enquanto diretor de futebol e deverá ser mais um a entrar na máquina de moer ídolos do Leco, que já teve entre outros Ceni e Pintado.

Muitos outros não deverão permanecer, afinal o arsenal de lambanças produzidos nos últimos tempos deverá ser capital para que sejam feitas outras “vítimas”.

Que 2021 e a nova administração tricolor possam trazer a essa sofrida torcida as alegrias a tanto não vistas e sentidas, pois em tempos que o preço pago por aqueles que pouco realizaram em nome do São Paulo é serem tratados como “vitimas”, fica o registro que na verdade “vitimas” fomos nós torcedores tricolores e a Instituição nas mãos dessas pessoas.

Avante “Tu és forte, Tu és grande” São Paulo!

Ver mais

mm

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade