HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Faz o teu, Vitória

Card image

Créditos: Foto: Reprodução/EC Vitória/Instagram

Depois de respirar aliviado e abrir quatro pontos de distância do Z-4, o Leão da Barra vai em busca da segunda vitória consecutiva no Barradão e manter viva a chama do acesso. Para isso, encara a Ponte Preta, sexta-feira (20), às 16h30, em partida válida pela vigésima segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Ocupando a 16° posição, agora com 24 pontos – 4 a mais que o Náutico, time que abre o Z-4, o rubro-negro pode subir até três posições na tabela, e alcançar a 13° posição. Mas para isso, precisa vencer a Ponte Preta e torcer por tropeços de Cruzeiro, Brasil de Pelotas e Guarani.

Impossível falar de Vitória e Ponte Preta e não lembrar do duelo de 2017, marcado pela atitude obscena do zagueiro Rodrigo e a virada emocionante do Vitória, por 3×2. Desde então os resultados dos últimos confrontos entre as equipes são favoráveis para o Leão da Barra, que já acumula 5 jogos de invencibilidade sobre o adversário, são quatro triunfos e um empate. No último encontro, as equipes protagonizaram um jogo eletrizante com 3 gols para cada lado.

A Ponte Preta não vive um bom momento na competição. Apesar de ocupar a sexta posição, com 32 pontos, vêm de uma sequência de resultados ruins, duas derrotas, dois empates e uma vitória nos últimos cinco jogos. Situação semelhante a do Vitória, que desencantou após nove jogos sem vencer, mas ainda vive um momento delicado. Segundo o meia Thiago Lopes, a má fase não passou, e a equipe vai atrás do resultado positivo para que os três pontos diante a Ponte, ajude nesse processo de reabilitação.

” Acho que o aspecto é o resultado. Não posso dizer que está passando. São os resultados que dizem se a fase ruim está passando. Isso é o resultado que diz. Graças a Deus a gente vem de uma vitória e podemos embalar uma segunda contra a Ponte. Isso vai ajudar essa fase ruim a passar”, disse o meia em coletiva

Nesse processo de reabilitação, o Vitória vai precisar de todos os jogadores á disposição do técnico Eduardo Barroca, o que ainda não será possível, já que Alisson Farias, Leandro Silva, Ewandro, Van, Quixadá e Gabriel Furtado, estão no departamento médico. O lado bom é que os quatros primeiros já iniciaram o processo de transição e logo mais estarão entre as opções do técnico. Para o duelo contra a macaca, Barroca deve começar com o mesmo time que iniciou a partida contra o Figueirense: Ronaldo; Léo Morais, Maurício Ramos, Wallace e Rafael Carioca; G. Rend, Fernando Neto e Matheus Frizzo; Thiago Lopes, Vico e Léo Ceará.

O meia Soares, que veio do Ceará, pode ser novidade no embate, ele está entre 23 atletas convocados. Confira:

Goleiros: Ronaldo e César

Laterais: Léo Morais, Leocovick, Rafael Carioca e Jonathan Bocão

Zagueiros: Wallace, Maurício Ramos e João Victor

Volantes: Fernando Neto, Guilherme Rend, Matheus Frizzo e Lucas Cândido

Atacantes: Léo Ceará, Jordy, Júnior Viçosa, Mateusinho, Ruan Nascimento e Vico

Meias: Thiago Lopes, Marcelinho e Soares

Ver mais

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade