HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

Sport é engolido por um Vasco desfalcado na Ilha do Retiro

Card image

Créditos: (Foto: Anderson Stevens / Sport Club do Recife)

Pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, Sport e Vasco travaram na Ilha do Retiro um confronto direto pela briga contra o rebaixamento, e mesmo com cinco desfalques e jogando fora de casa, os cariocas levaram a melhor sem maiores dificuldades. Com dois gols de Cano, a equipe Cruzmaltina venceu por 2×0 e saiu da zona de rebaixamento, chegando aos 22 pontos, enquanto o Leão segue com 25 pontos na 10ª posição.

Os primeiros minutos já indicavam que a atuação dos visitantes seria melhor. Com uma marcação alta e diante de um adversário nada inspirada, que abusava de errar passes curtos, o time alvinegro assustava sobretudo em chegadas pelo lado esquerdo do ataque. Foi assim que levou perigo na cabeçada de Cano, aos 11 minutos e na finalização de Léo Matos aos 13, ambas para fora.

O Rubro-negro respondeu aos 18, em chute forte de Leandro Barcia, defendido por Fernando Miguel. Mesmo que devagar, os donos da casa sinalizavam uma mudança de postura, quando sofreram um duro golpe aos 25 minutos: em mais uma investida pelo lado esquerdo, os vascaínos abriram o placar com Germán Cano, aproveitando cruzamento rasteiro e desviando para o gol, sem defesa para Mailson.

Inoperante, o Sport não chegou sequer a construir uma boa oportunidade para empatar o placar e ainda teve que contar com uma grande defesa de Mailson em chute cruzado de Léo Matos para não descer para o intervalo com uma desvantagem ainda maior. No entanto, já no começo da etapa final, ninguém evitou que Cano aproveitasse novo cruzamento rasteiro vindo do lado esquerdo para empurrar para as redes e ampliar o marcador.

Sem qualquer dificuldade para administrar o resultado, a equipe de Sá Pinto desacelerou o ritmo e passou a se defender das tentativas mal sucedidas de ataque dos donos da casa, que tentaram diminuir em chute rasteiro de Mikael, facilmente defendido por Fernando Miguel, e em finalização colocada de Marquinhos, raspando a trave. Os vascaínos aproveitavam o espaço para ameaçar em contra-ataques, mas não conseguiam acertar a conclusão das jogadas para chegar ao terceiro gol.

O cabeceio perigoso de Adryelson já aos 46 minutos foi a última boa chance do duelo, encerrado com o triunfo cruzmaltino por 2×0. O próximo desafio dos leoninos será diante do Atlético-GO, novamente na Ilha do Retiro, às 20h da próxima segunda-feira (23), enquanto o Vasco volta à campo na quinta, às 19h, contra o Fortaleza em São Januário.

Ver mais

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade