HOME CLUBES PRINCIPAL COPAS MUNDO DO FUTEBOL FUTEBOL FEMININO MERCADO DA BOLA CULTURAL CONTATO

 

 

SERIE A

SUDESTE

NORDESTE

SUL

CENTRO-OESTE

NORTE

O INÍCIO DE UMA GRANDE HISTÓRIA – O BAHIA SURPREENDEU O PAÍS

Card image

Créditos: Reprodução | ECBahia

O Bahia foi fundado no início de 1931, mas em 1959 já era uma equipe consagrada e acumulava 16 títulos estaduais, superando o soberano Ypiranga, equipe de grande nome em Salvador. O clube começou a se expandir após a inauguração da Fonte Nova, trazendo vários torcedores a vestirem o vermelho, azul e branco. Mesmo com diversas conquistas locais, o Esquadrão estava longe de alcançar o mérito nacional. Na época, o futebol brasileiro era concentrado no eixo Rio x São Paulo, só se falavam das demais equipes, quando estas iam jogar fora. E mesmo assim, com olhares menosprezados dos atletas e profissionais.

Não existia um campeonato que englobava as equipes de diversos estados. Somente em 1937, a Federação Brasileira de Futebol, organizou a Copa dos Campeões Estaduais. O torneio foi organizado em um quadrangular em turno e returno, contou com a participação dos campeões dos estados da região Sudeste, dentro das ligas filiadas à FBF, e foi conquistado pelo Atlético Mineiro. Somente onze anos depois, o Nordeste também teve sua própria Copa dos Campeões, disputada no Recife e vencida pelo Bahia, que venceu o Treze na semifinal por 3 a 0 e se sagrou campeão ao derrotar o Santa Cruz na decisão por 1 a 0.

O primeiro grande torneiro nacional de futebol no Brasil, ocorreu em 1959. Quando reuniu 15 principais campeões estaduais como: Atlético/PR, Atlético/MG, Auto Esporte/PB, ABC/RN, Bahia, Ceará/CE, CSA de Alagoas, Grêmio, Hercílio Luz/SC, Rio Branco/ES, Santos, São Paulo, Sport/PE, Tuna Luso e Vasco da Gama.

O Esquadrão de Aço disputou 14 jogos, venceu 9, empatou 2 e perdeu 3. Marcou 25 gols e sofreu 18. O camisa 9, Léo Briglia foi o artilheiro, com 8 gols marcados. Com a conquista do título nacional, o Esporte Clube Bahia foi o primeiro clube brasileiro a disputar a Libertadores da América, fora que foi considerado a melhor geração de jogadores do grupo. Pois além da conquista da Taça Brasil de 59, a equipe também conquistou o pentacampeonato baiano (1958, 1959, 1960, 1961 e 1962), Campeão da Taça da Amizade (Uruguai – 1959) e três vezes campeão do Norte-Nordeste (1959, 1961 e 1963).

| Primeiro Campeão Brasileiro

A grande final de 59 foi contra o temido Santos de Pelé, considerada uma das melhores equipes do campeonato, foram necessárias três partidas para consagração do campeão. A primeira partida foi na Vila Belmiro, o Bahia venceu o Santos por 3 x 2. Na segunda partida o Santos devolveu, vencendo por 2 x 0, na Fonte Nova. E a terceira e última partida foi no Maracanã, dia 29 de Março de 1960 e o Tricolor da Boa Terra venceu por 3 a 1, gols de Vicente, Alencar e Léo. E assim, o Bahia se consagrou primeiro time nordestino a ganhar um título nacional. O Tricolor baiano atuou com: Nadinho, Nenzinho, Henrique e Beto; Flávio e Vicente; Marito, Alencar, Léo, Mário e Biriba. Técnico: Efigênio Bahiense, o Geninho. Por falar nele, um fato curioso foi que esteve à frente da equipe baiana durante toda a competição, porém, após a derrota na Fonte Nova, ele foi substituído pelo argentino Carlos Volante, este que só foi para a úlima partida no Maracanã e levantou a taça. Ainda há quem se discuta a unificação dos títulos nacionais, o pioneirismo do Tricolor baiano sempre estará acima de contestações.

Ao chegar em Salvador, este grupo foi saudado por uma multidão, que saiu em carreata pela cidade, ovacionado pela população soteropolitana e pela Nação Tricolor.

| Ficha do jogo:
BAHIA-BA 3 x 1 SANTOS-SP
Data: 29 / 03 / 1960
Local: Maracanã
Árbitro: Frederico Lopes
Gols:Coutinho 27′, Vicente 37′ / 1º T; Léo 47s ,Alencar 31 / 2º T.
BAHIA: Nadinho, Beto, Henrique, Flávio e Nenzinho; Vicente e Mário; Marito, Alencar, Léo e Biriba. Técnico: Carlos Volante
SANTOS: Lalá, Getúlio, Mauro, Formiga e Zé Carlos; Zito e Mário, Dorval, Pagão, depois Tite, Coutinho e Pepe

Ver mais

Sobre o autor

Ver mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Siga nossas redes sociais

© 2020 Atras do Gol é uma marca registrada da Atras do Gol Limited Liability Company.  Todos os direitos reservados. O uso deste site constitui aceitação de nossos Termos de Uso e Política de Privacidade